Xamã – Advogado Do Diabo Lyrics

Xamã – Advogado Do Diabo Lyrics

[Intro: Filipe Ret]
Yeah, woo
Yeah, woo
Sente o clima, perde a linha
Ret e Xamã
Perde a linha
Ret e Xamã
Perde a linha
Ret e Xamã
Perde a linha
Ret e Xamã

[Refrão: Felipe Ret]
Sente o clima, perde a linha
Vem na minha (Oh, yeah)
Metanfetamina de calcinha
Respeita a mina (Wow)
Sente o clima, perde a linha
Ret e Xamã
Sente o clima, perde a linha (Oh, yeah)
Metanfetamina de calcinha
Respeita a mina

[Ponte: Filipe Ret]
Elas sempre querem o Ret (Elas)
Elas sempre pedem Xamã
Elas surtam quando vê beck
Ouvindo essa track até de manhã (Elas)
Elas sempre querem o Ret (Elas)
Elas sempre pedem Xamã
Elas surtam quando vê beck
Ouvindo essa track até de manhã

[Verse 1: Filipe Ret]
Feito vento
Filme implacável à procura de poder, isso é do homem
Deus, o criador me fez, imagem e semelhança, pois sim
Vem, isso é eterno não é momento
Nunca vão esquecer meu nome (Não vão)
Vem da boca delas, elas falam "essa porra não é convento"
Todas as bandidas da cidade celebrando gritam "amém"
Essas rimas fazem parte do meu corpo, então ouçam meu sangue
Cagando e andando pra julgamento
Pau no cu se não é fechamento
Ela goza com meu autotune, diz que valoriza o talento
(Hahahaha)

[Verse 2: Xamã]
(Aprenda respeitar o homem mau)
Na vitrola rola um Outkast
Aí Baco, 44
Queria ser o Kanye West
Minha vida tem andado um saco, vou juntar minhas malas e vou pro Nordeste
Sou punk rock, não Jota Quest
Um homem na chuva, na estrada, tipo Johnny Cash
É bala pa-pa-pa ta-ta-ta, não se mexe
Mataram o Pokemón do Ash
Devil May Cry, inferno de Dante, 'lek
Vermelho gritante, postura de band
Beck no canto da boca e uma marra gigante, é rap
Sou punk rap
O ponto do camelô meliante, Xamã Estudante
Eram deuses astronautas de traçantes?
Uma santa e uma diaba amante
Prefiro seu amor ao diamante, favela do barbante
É o bonde do bigode fino
Um filme com Xamã, Filipe Ret e o Al Pacino
No tempo que o seu rapper favorito tá dormindo
Welcome to the hell, "Jason, porquê que cê tá rindo?"

[Saída: Filipe Ret and Xamã]
Sente o clima, perde a linha
Vem na minha (Oh yeah)
Metanfetamina de calcinha (Ooh)
Respeita a mina (Oh yeah)
Sente o clima, perde a linha
Vem na minha (Oh yeah)
Metanfetamina de calcinha
Safadinha

Share:

RELATED LYRICS