O Rappa – O Novo Já Nasce Velho Lyrics

O Rappa – O Novo Já Nasce Velho Lyrics

Enquanto a voz amena
fala de equilíbrio
Um rosto é só um rosto
E que está falando
Parece uma questão divina

E a tv tira a atenção
na hora do culto hardcore
Pois a miséria é um insulto
Motiva a fé do mundo

E o defunto não deve enjeitar a cova
humilde, desumano
Não vou duvidar do passado
como se já não existissem velas para acender
Mas que diferença faz
Se nossas mães não choram mais

E de meu pai não vejo sorriso
Se o velhos não podem
criar suas rugas
o novo já nasce velho

Share:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

RELATED LYRICS

[adinserter name="Block 1"]